terça-feira, 30 de junho de 2015

BELAS E PERSEGUIDAS - REVIEW

Estrelado por Reese Witherspoon e Sofía Vergara, "Belas e Perseguidas" tinha bons elementos para surpreender críticos e público: as atrizes também são produtoras do filme e a diretora Anne Fletcher é a mesma do delicioso "A Proposta", com Sandra Bullock. Entretanto, essa produção comandada por essas talentosas mulheres é um fiasco, infelizmente.

Com um roteiro preguiçoso que abusa de piadas de lugar comum, essa comédia provoca risos de vergonha alheia. As piadas são óbvias e apelam para a caricatura, o estereótipo e a histeria. Nada salva essa produção - nem o talento de Reese nem o ótimo timing cômico de Sofía.

Na história Reese é Cooper, uma policial "caxias" que cresceu sonhando em seguir os passos de seu pai, um grande policial que faleceu na ativa. Motivada a querer honrar o pai a todo custo ela se transforma numa das pessoas mais chatas que já existiram na face da Terra. A gente torce para ela calar a boca. Como Cooper cometeu um erro em campo, ela foi obrigada a assumir um cargo burocrático.

A oportunidade de voltar a ativa surge quando um casal, que deveria testemunhar contra um grande chefão do tráfico de drogas, necessita de escolta policial para o lugar do julgamento. Nessa ocasião, Cooper se vê no meio de um fogo cruzado entre duas gangues que acabam vitimando seu parceiro e uma das testemunhas. Então, cabe a ela a missão de levar a relutante Daniella Riva (Vergara) para cumprir a obrigação de testemunhar. Só que a senhora Riva é uma mulher fútil, com pouca capacidade intelectual e que quer fugir de qualquer jeito. As duas ainda devem fugir de policiais corruptos e capangas do traficante que querem acabar com elas.

O resultado dessa trama pouco criativa, onde personagens com características opostas se veem obrigados a passar por uma situação limite juntos e com isso aprender com as diferenças uns dos outros, é um filme fraco, sem graça e completamente esquecível.

Confira o trailer: 



Um comentário:

  1. Eu gosto da sua revisão de filme, breve e claro. Houve uma grande química entre as atrizes e que se reflete na facilidade com que interpretou os papéis. Belas e Perseguidas foi divertido. Eu gostava de ver este filme estrelado por Sofia Vergara com seu sotaque peculiar e muito simpático e Reese Witherspoon com um desempenho cômico.

    ResponderExcluir